A Laborclin, líder no mercado nacional de microbiologia, com mais de 51 anos de atuação no Brasil e América Latina, desde a segunda quinzena de março, passou a fazer parte do grupo multinacional francês Solabia, especialista em biotecnologia e que atua nas áreas cosmética, farmacêutica, nutrição e de diagnóstico. A partir agora, o grupo é formado por oito unidades de produção, três das quais estão no Brasil, além de quatro centros de pesquisa e desenvolvimento e subsidiárias comerciais nos Estados Unidos e Alemanha.
Com a aquisição de 100% da Laborclin, especializada na produção de meios de cultura prontos para uso, o Grupo Solabia fortalece sua presença nesse segmento e otimiza sua produção para atender o mercado, uma vez que a Biokar Diagnostics, localizada na França, já produz meios na forma de pó, a partir de diferentes peptonas fabricadas pelas plantas da Solabia na França (peptonas vegetais) e no Brasil (peptonas animais).
Gerard Josset, CEO do Grupo Solabia, destaca que a incorporação da Laborclin acrescenta um grande número de novos produtos ao seu já diversificado e robusto portfólio. “O objetivo é fazer a Solabia mais forte, mais independente e altamente respeitada, mas se mantendo como uma empresa familiar. O crescimento orgânico é uma forma de alcançar isso, mas não é suficiente. Aumentar a presença por meio de aquisições pode ser indispensável”.
Valor para os negócios
De acordo com Daniella Lopes Francischetti, gerente de marketing técnico no Brasil, a Solabia tem como um de seus princípios básicos o incentivo à pesquisa.
A executiva acrescenta que a compra da Laborclin também agrega valor para cadeia produtiva de higiene pessoal e cosméticos, já que uma parte do controle de qualidade de muitos produtos é feita justamente com meios de cultura. “O Grupo Solabia passa a fornecer ao mercado também produtos para serem utilizados em seus controles de qualidade, como meios de cultura prontos para uso ou ainda em pó, com a mesma qualidade já reconhecida em seus demais produtos”, explica.
Além da oferta de novas soluções para higiene e beleza, Daniella adianta que o grupo apresentará na In Cosmetic Latin America novos produtos “extremamente interessantes”, seguindo os passos do Prelliance®, ativo biotecnológico criado no Centro de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação da Solabia Biotecnológica, unidade brasileira localizada em Maringá-PR, que levou o Prêmio Ouro do Innovation Zone Best Ingredient Award na edição do ano passado.
Mercado forte
O Grupo Solabia está sempre investindo no Brasil, seja na aquisição de novas empresas ou mesmo nas já existentes, por meio do aprimoramento de processos produtivos e em pesquisa e desenvolvimento. Também não descarta novas aquisições no país: “O CEO Gerard Josset é muito visionário. Dessa forma, estamos sempre abertos a novas aquisições em diferentes áreas de atuação, desde que venham de acordo com os princípios da Solabia”.
Quanto ao futuro do mercado de beleza no Brasil, a Solabia acredita que a recuperação não demorará após a crise gerada pela pandemia do Covid-19. “Certamente é um mercado muito forte no Brasil. Este mercado vai sentir, mas, ao mesmo tempo, tende a se recuperar rapidamente, pois seus produtos estão ligados ao bem-estar e este, além da autoestima, é o que todos vão buscar no momento da retomada”.

Fonte: https://cosmeticinnovation.com.br/